A importância de legalizar uma Igreja

O que acontece se a Igreja não estiver legalizada

 

Muitos Pastores desconhecem a importância de legalizar uma Igreja. Mesmo sendo imunes à cobrança do Imposto sobre a arrecadação, as Igrejas também estão sujeitas a cumprir a lei. 

Embora existam alguns pontos em que a burocracia e os custos sejam um entrave para a regularização de uma Igreja, é de extrema importância que os Pastores estejam atentos às responsabilidades.

Uma Igreja legalizada não pode ter seu funcionamento interrompido. Pelo contrário, pode exigir seus direitos junto à sociedade e órgãos reguladores.

Por isso, a Igreja deve buscar se regularizar juntos aos órgão cadastradores e manter a contabilidade em dia, evitando problemas com o fisco, além de garantir o benefício da imunidade.

 

Gera credibilidade e crescimento

Um pastor que dá a devida importância em legalizar a Igreja gera credibilidade junto aos membros, pois eles entendem que seus dízimos e ofertas estão sendo bem aplicados.

Ao cumprir com as obrigações legais, a Igreja passa a poder funcionar de maneira correta, até mesmo buscando financiamentos para o crescimento da sua estrutura física, beneficiando a comunidade local.

mockupshots-freeimage-mock-00054

 

 

Este Ebook já ajudou centenas de Igrejas a gerir,  de forma eficiente, sua tesouraria

Baixe Gratuitamente

CLIQUE AQUI

 

 

Como legalizar uma Igreja Evangélica?

 

gavel-3577254_1920

 

Legalizar uma Igreja é um processo que exige o auxílio de um profissional especializado, pois exige conhecimento da Legislação que as rege.

Para legalizar uma Igreja, você precisa:

  • Efetuar o Registro do Estatuto Social e da Ata de Fundação em um Cartório de Registro Civil;
  • Solicitar o registro do CNPJ junto à Receita Federal;
  • Solicitar o Alvará de Funcionamento junto à Prefeitura Municipal;
  • Solicitar o Certificado de Aprovação do Corpo de Bombeiros.

 

O que acontece se a Igreja não estiver legalizada?

Uma Igreja que atua de forma irregular pode ter diversos problemas e, pode inclusive, gerar problemas para seus dirigentes. Uma Igreja que atua de forma irregular pode:

  • Ter seu funcionamento suspenso;
  • Ser impedida de abrir uma conta bancária;
  • Ser multada por atuar de forma irregular.

 

Que tal contar com um Grande aliado, para ajudar no gerenciamento da sua igreja de maneira prática e muito eficaz!

Se você quiser essa ajuda deixe nos comentários.
O TESOUREIRO DIGITAL terá um enorme prazer em ajudar.

Compartilhe: